terça-feira, 17 de junho de 2008

Errei sim...


No post abaixo, chamei o Kaká de imbecil. Mas depois de assistir a corajosa entrevista do jogador, ontem no programa 'Bem Amigos', sou obrigado a fazer esse 'mea culpa'... O cara se colocou com clareza sobre assuntos nebulosos, disse que jogou 'no sacrifício' a fatídica partida contra a França na Copa de 2006, falou que aquela equipe não recebeu a preparação adequada, revelou que os jogadores na Seleção ficam cheios de melindres e não dialogam em campo como deveriam, disse que ficou surpreso com seu prematuro corte dessa seleção do Dunga (tudo indica que poderia estar em campo amanhã, contra a Argentina), e ainda elegeu Ronaldo (Fenômeno) como o maior atacante com quem ele já jogou. É verdade que não falou (e nem foi perguntado) do seu lado mais obscuro - a relação com a Igreja Renascer -, mas se isso não interferir no futebol que ele joga (e não tem interferido), trata-se de um assunto pessoal do sujeito, não é mesmo?

E como o post anterior despertou intenso diálogo entre os navegantes do blog, deixo aqui registrado o meu desejo por uma vitória, amanhã, da Argentina - na esperança de que tal resultado torne insustentável a permanência do Dunga.

E fica lançado o nome de Zico para a sucessão do bucéfalo!!

9 comentários:

M.J. disse...

Ih, futebol...não sei nada desse assunto.
Sibre o Kaká, é o um exemplo de bom menino, tudo certinho com ele, tudo perfeitinho. Um tédio, não?

peri s.c. disse...

Beleza, enfim pelo menos um sai do jogo de cartas marcadas entre atletas, a maioria da imprensa e cartolas.
Uma coisa que admiro no Kaká é que ele escapou do cerco das Marias Chuteiras e do feitiço das baladas européias.
Quanto ao Zico, sei não,posso estar enganado mas para enquadrar as "estrelas" do futebol precisa ser um técnico meio malaco, tipo Felipão mesmo, que infelizmente por enquanto não voltará.

Anônimo disse...

que bom que vc falou do kaká, pq eu assisti ao mesmo programa ontem e senti que tinha sido um pouco injusta com o menino. ele me surpreendeu ontem, de verdade, positivamente!
sobre os técnicos, adoraria felipão, mas ele não vem.. zico é uma aposta, que eu confio, pelo menos tem mais fundamento do que dunga. mas o que faria miséria mesmo seria o muricy, mas como eu gosto mais do meu time do que da seleção, prefiro que ele fique por aqui e a seleção jogue miséria.
bjos
luisa

anna disse...

o kaká faz uma puta falta na selecinha, assim como o gauchinho.

adorei o mea culpa, e se ele transa candomblé, tarô, se trepa papai-mamãe, se acredita na baboseira da teoria da prosperidade pregada na renascer (como se deus fosse capitalista) digo : ema,ema,ema cada um com seu problema.

e como vc disse, isso não interfere nada no seu belo futebol, que admirei tempos atrás no campo do seu time, menino de tudo, arrasando. embora meu time tenha ganho a partida...

e zico? assino em baixo. um ex-jogador com experiência de técnico de seleção.
bóra lá fazer campanha!

Neil Son disse...

é mj, tem razão... se fosse mulher, jamais me interessaria por ele, mas que é um puuuta jogador, isso não há dúvida.

Neil Son disse...

concordo que um 'malaco' tipo felipão seria o ideal, peri; na impossibilidade dele, escolheria o muricy. mas como disse a luisa aí em cima, também não quero que ele saia do são paulo. por isso, voto no zico.

Neil Son disse...

é lulu, hoje estamos concordando em tudo!

Neil Son disse...

é isso, anna! já disseram que o cargo de técnico da seleção de futebol é tão importante no brasil como o de presidente da república. não chego a tanto, mas uma eleição popular e direta seria muito bom!

jayme disse...

Eu não gosto do Kaká meeesmo. Mas que joga, joga.